Projeto Interdisciplinar – Olhar a Cidade

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
No âmbito do projeto interdisciplinar Olhar a Cidade, as duas turmas de 8.º ano do Colégio de Santa Maria tiveram oportunidade de se deslocar até Aveiro e passar dois dias na Universidade. Os alunos foram recebidos no Departamento de Ambiente e Ordenamento (DAO) e no Departamento de Biologia (DB), a quem agradecemos por todas as aprendizagens proporcionadas aos nossos alunos, nas pessoas da Drª Ana Isabel Miranda (DAO) e do Dr. Víctor Bandeira (DB). O programa desta visita de estudo à UA foi intenso e muito rico do ponto de vista das novas aprendizagens.

PROGRAMA
Sessões na Universidade de Aveiro

  • O ar nas nossas cidades: a força do invisível | S. Rafael
  • Cidades mais verdes com solos mais limpos e mais saudáveis |S. Rodrigues
  • Vamos circular os nossos resíduos |L. Tarelho e P. Gomes
  • Microplásticos: será que existem nas águas perto de ti? | M. Cerqueira
  • A importância da flora e da sua inclusão numa cidade sustentável | Parque da Cidade | Rosa Pinho
  • Incêndios: os seus efeitos no solo e meio aquático | N. Abrantes
  • Jogo QUIZZ – sobre o que aprenderam | A. Monteiro

CIDADE
Passeio de moliceiro

SANTUÁRIO de SCHOENSTATT – Gafanha da Nazaré

Ateliers – Instituto Secular Irmãs de Maria de Schoenstatt (1 – Carapinha; 2 – Trufas; 3 – Licores; 4 – Sementes de chocolate; 5 – Doces)

Durante dois dias, as turmas do 8.º ano tiveram oportunidade de vivenciar a experiência de jovens alunos universitários, aprendendo a necessidade de implementar, desde já, hábitos mais sustentáveis, a partir de experiências apoiadas em teoria.

Foram momentos muito bem aproveitados para transpor para a ideologia da cidade sustentável que estão a criar. Por exemplo, foi possível visualizar como podemos reutilizar e dar nova vida aos plásticos, pondo as mãos na massa e fazendo réguas e um cesto a partir de tampinhas de plástico. Percebemos também melhor a importância dos nossos solos e a possibilidade de fertilização através de produtos naturais produzidos na Universidade a partir de eucalipto (Biochar).
Para além das experiências académicas, houve também tempo para um passeio de Moliceiro a fim de conhecer a cidade considerada “A Veneza de Portugal” e um dos bons exemplos de cidade sustentável no nosso país.
À noite, a seguir ao jantar, pudemos conhecer as atividades das Irmãs de Maria de Schoenstatt, através de vários ateliers, onde os alunos experienciaram as diferentes fases do processo de confeção, embalamento, rotulagem e comercialização.
“Estes produtos são confecionados pelo Instituto Secular das Irmãs de Maria de Schoenstatt (ISIMS) de Portugal. São produtos “caseiros” e destinavam-se, no início, exclusivamente à prática culinária e ao consumo das Irmãs, sendo um importante aproveitamento das árvores de fruto existentes e dos produtos hortícolas aqui cultivados.
Com a evolução dos tempos, os donativos e excedentes de frutas e a necessidade de angariar fundos para a manutenção do centro, as Irmãs começaram a confecionar os produtos em maior quantidade, mas de forma artesanal e cumprindo todas as diretrizes do setor, e a vendê-los na Loja de Artigos Religiosos. O objetivo desta iniciativa visa a sustentabilidade das atividades sociais do ISIMS.” Ir. Cristina Maria
No dia 11, regressamos à Universidade, mais propriamente, ao Parque da Cidade, com a Drª Rosa Pinho, que nos deu a conhecer a importância da flora e a sua inclusão numa cidade sustentável.
Terminámos a dia a falar sobre poluição atmosférica e a tentar perceber o que deve uma cidade fazer para melhorar a qualidade do ar.
Depois foi tempo de regressar com a cabeça a fervilhar de ideias.
Agora é tempo de FAZER ACONTECER uma Cidade Sustentável!

Em destaque

Tomada de Posse das Mesas das Assembleias de Turma

Foi com muito orgulho que, num ambiente de civismo e seriedade, assistimos à Tomada de Posse dos nossos alunos mais velhos.
Aprender a exercer desde cedo o nosso dever cívico é fundamental para formar cidadãos mais conscientes e intervenientes na sociedade atual.
É um privilégio ajudar os nossos alunos a crescer na participação de uma sociedade mais justa e a aprender a fazer ouvir a sua voz.
Através das promessas feitas perante o Colégio conseguiram perceber o verdadeiro sentido de compromisso e o assumir de uma missão.

Ler noticia

Mais recentes