Projeto Interdisciplinar do 9.º Ano – Sentir a Terra

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
As turmas do 9.º ano iniciaram o seu projeto interdisciplinar – Sentir a Terra. Este projeto assenta num dos temas de Geografia - Contrastes de Desenvolvimento. Como grande objetivo, os alunos estudam os diferentes ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) e, a partir da análise de vários países com distintos graus de desenvolvimento, apresentam propostas para atingir esses mesmos ODS.

Logo pela manhã, começamos com o momento de oração, especialmente preparado para o Projeto Interdisciplinar “Sentir a Terra”, seguido da visualização de vídeos alusivos aos ODS que, para além do conhecimento que transmitiram, ajudaram a sensibilizar os alunos para as desigualdades existentes.

Seguiu-se um jogo, onde foi possível simular a distribuição da riqueza no mundo. O jogo terminou com a divisão dos alunos em 3 grupos representativos dos países com maior ou menor poder económico:

  • Grupo com maior riqueza e poder (menor número de elementos e mais privilégios);
  • Grupo com alguma riqueza e poder (grupo com alguns elementos e condições);
  • Grupo com pouca riqueza e poder (muitos elementos e poucas condições).

Cada grupo reuniu, tendo em conta as suas condições económicas, e propôs soluções para distribuir a riqueza de forma justa a nível mundial.

A manhã terminou com um plenário onde foram apresentadas as diferentes propostas, seguida de votação para eleger a vencedora. Em conjunto, foi feita uma sistematização e conclusão do primeiro dia de projeto.

Este dia transportou-nos para a necessidade de estarmos atentos ao que acontece no Mundo e de chamar a cada um de nós a responsabilidade de nos tornarmos construtores e cuidadores da Casa Comum (Como nos pede a Encíclica do Papa Francisco).

Acreditamos que é importante continuar a fomentar nos nossos alunos aprendizagens e ferramentas essenciais para intervir na construção de um mundo mais equilibrado e mais justo para todos. “Não deixar ninguém para trás” foi uma das mensagens que mais se fez ouvir ao longo deste dia.
“Unidos, erguemos o essencial”.

Em destaque

Mais recentes